• Fernanda Garcia

Vereadora Fernanda Garcia protocola projetos incentivam a vacinação

Além do passaporte de vacinação já adotado por diversos municípios, o selo “Amigo da Vacina” dará espaço às boas práticas na pandemia


Após tomar como exemplo ações realizadas pelo poder legislativo de outras cidades brasileiras, a vereadora Fernanda Garcia (PSOL), protocolou junto ao plenário municipal, no início desta semana, um projeto de lei que cria o “passaporte da vacina” em Sorocaba. No texto, a vereadora propõe a comprovação de vacinação para ingresso em eventos e locais que gerem aglomeração, como meio de evitar a proliferação do novo coronavírus.


Na justificativa, a parlamentar lembra que o assunto é de interesse público e debatido em nível nacional. “Mesmo com toda a política de boicote do poder executivo federal, o passaporte é uma forma eficaz de conter os casos de Covid-19, pois as pessoas vacinadas têm menor taxa de transmissão do vírus. Propomos a obrigatoriedade de apresentação do documento em locais com pelo menos 500 pessoas, onde não é possível manter o distanciamento adequado”, explica a vereadora.


A vereadora explica que o projeto é uma forma de combater a difusão de falsas notícias, que induz as pessoas a recusarem a vacinação. “O negacionismo científico é o principal fator que afasta uma parcela da população, vítima das fake news, dos imunizantes. Mas para que possamos voltar a ter uma vida próxima ao normal, precisamos ter a segurança de saber que dividimos espaço com pessoas minimamente protegidas”, finaliza a vereadora.


Selo “amigo da vacina”


Um outro projeto de resolução apresentado pela vereadora do PSOL. O selo “Amigo da Vacina” é uma congratulação às instituições que oferecerem benefícios, estímulos e conscientização para o público se vacinar contra a Covid-19.


Fernanda lembra que alguns estabelecimentos já oferecem, por exemplo, descontos aos clientes que apresentarem o comprovante de vacinação. Na visão dela é importante incentivar esse tipo de prática. “O selo é importante para que as pessoas saibam identificar quais locais têm preocupação com a vacinação. Ninguém se sente bem sabendo que o estabelecimento viola os protocolos sanitários ou é adepto do negacionismo científico. Queremos que os estabelecimentos demonstrem respeito à saúde coletiva, com o incentivo à vacinação e respeito aos protocolos contra a propagação da Covid-19”.


Para que a instituição receba o selo será necessário provar que desenvolveu ações que contribuíram com a vacinação da população, além de manter, de forma rígida, os protocolos de segurança como o uso de máscaras, distanciamento e o uso de álcool em gel, para seus frequentadores e trabalhadores.


Os projetos do Passaporte Sorocabano de Vacina e o Selo Amigo da Vacina serão encaminhados para deliberação dos demais vereadores nas próximas sessões da Câmara. As sessões podem ser acompanhadas presencialmente, no plenário da Câmara Municipal, ou através da TV Câmara ou redes sociais.


Fernanda Garcia lembra que a vacina é o principal meio de combate à Covid-19

10 visualizações0 comentário