• Fernanda Garcia

O mundo perde um imprescindível




Na manhã dessa quinta-feira (14/01), Sorocaba amanheceu com a triste notícia do falecimento de Osvaldo Francisco Noce.


Noce é um militante histórico. Participou da luta de resistência à ditadura militar pela a Ação Popular (AP), foi preso no Congresso da UNE de 1968, na cidade de Ibiúna, e mesmo assim continuou atuando politicamente na clandestinidade.


Foi um dos fundadores do PT. Após a anistia, foi eleito vereador na cidade de Sorocaba por três mandatos. Articulou a luta contra a utilização de Aramar para fins nucleares, após os recentes acontecimentos de Chernobyl e Goiânia.


Em 2005, Noce se filiou ao PSOL, onde seguiu como um aguerrido militante, presente em diversas lutas e debates sobre os rumos de Sorocaba.


Além de ser um personagem histórico, Noce era um ser humano extraordinário. Um amigo, um conselheiro, um professor.


Noce nunca escolheu o lado fácil da história! Ele precisa ser lembrado pelas próximas gerações como um exemplo de lutador social e como pessoa!


Osvaldo Noce,

PRESENTE!

PRESENTE!

PRESENTE!

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo