• Fernanda Garcia

Audiência Pública discute 'Semana do Escoteiro'

O debate proposto pela vereadora Fernanda Garcia tem o objetivo de democratizar o conhecimento do trabalho dos escoteiros na cidade


A vereadora Fernanda Garcia promove amanhã, dia 19, uma Audiência Pública inédita na Casa de Leis sorocabana, onde discutirá o importante serviço prestado pelos escoteiros para a formação de crianças e adolescentes. O evento inicia às 19h no Plenário da Câmara, na TV Legislativa no canal 31.3 e pelas redes sociais.


Os convidados que farão parte da mesa principal do debate são os comissários: Cláudio Lara, que é o atual comissário da 20º Distrito Escoteiro Sorocaba, diretor tesoureiro do Grupo Escoteiro do Ar Albino Bueno de Camargo 261/SP e Mauricia Caldeira, atual comissária do 40º Distrito Escoteiro Lis do Interior e ex-presidente do Grupo Escoteiro Santana por dois mandatos e formação avançada na linha dirigente.

Para a vereadora, tantos os convidados da mesa principal quanto os outros participantes proporcionarão um riquíssimo debate sobre o trabalho do escoteirismo, sobre educação e o cuidado com a natureza. "É apaixonante o universo do escoteirismo e infelizmente ainda não é amplamente divulgado seu trabalho ou as vezes até sua existência na cidade, espero que nessa audiência floresça em quem assistir a vontade de participar ou incentivar as crianças e jovens a conhecer", comentou a vereadora.


Outra questão que ressalta na Casa a necessidade de um debate amplificado sobre o trabalho dos escoteiros é a visita feita pela vereadora, em fevereiro, a um grupo localizado na Zona Leste da cidade onde o mesmo foi classificado como de utilidade pública da cidade. "Quando procurei criar esta audiência foi não somente para mostrar o trabalho extremamente significativo, mas para que a prefeitura ouça as reivindicações destes educadores e alunos" disse Fernanda que explica sua posição. "Quando visitei o Grupo Terra Rasgada tive a informação que estes e outros grupos pagavam a entrada em alguns parques, como o Zoológico, apesar de seu trabalho de educação ambiental, além disso, os escoteiros ainda não tem um local próprio onde possam acampar, por exemplo. Enviamos um requerimento questionando a justificativa para a cobrança e sobre a possibilidade de políticas de apoio ao escoteirismo na cidade, mas uma audiência nos dará uma visão macro dos problemas e do trabalho realizado", completou Fernanda Garcia.





A Audiência Pública: "Semana do Escoteiro" em alusão a data que se comemora o Dia do Escoteiro - no dia 23 de abril - inicia ás 19h, os interessados poderão acompanhar o debate presencialmente no Plenário da Câmara, gratuitamente, pela TV Legislativa no canal 31.3 (TV aberta), canal 04 da NET ou 09 da Vivo Fibra ou pela transmissão nas redes sociais da Câmara.


4 visualizações0 comentário